Meme Literário 2012 – Dias 5 – 6 – 7 – 8

Dia 05 – Você costuma ler graphic novels e/ou gibis? Gosta? Não gosta? Tem algum que seja o favorito? Fale sobre isso. 

  Comecei a ler gibis ainda bem pequena, e a leitura de Graphic Novels, como concebidas hoje, foi uma consequência natural, eu adoro a nona arte e minha HQ predileta é considerada um marco no mundo dos quadrinhos, obviamente estou falando de Sandman, do meu amado, salve, salve! Neil Gaiman 😉

  Poucas HQs na história do mundo ocidental transcenderam o gênero e romperam barreiras como Sandman conseguiu. Mesclando mitologias modernas e fantasia sombria, além de acrescentar elementos modernos, históricos e míticos, Sandman foi considerada uma das séries mais artisticamente ambiciosas dos quadrinhos. Quando foi concluída, em 1996, já tinha mudado a nona arte para sempre e se tornado um fenômeno de cultura pop, bem como um marco das HQs, tornando difusa a fronteira imaginária entre os quadrinhos de massa e o que consideramos como arte. A série conta a história de Morfeus, um dos Perpétuos – criaturas análogas aos deuses, mas ainda maiores – responsável pelo Mundo dos Sonhos. Basicamente ele controla e tem acesso a todos os sonhos da humanidade e de todas as criaturas capazes de sonhar, sendo o senhor do Mundo dos Sonhos, a terra aonde vamos em nossas horas de sono. Quando uma ordem mística tentou capturar a irmã de Sonho, a Morte, em seu lugar eles capturaram Morfeus. Assustados com o que conseguiram, os membros da ordem o mantiveram cativo. E assim teve início um período de diversas décadas em que esse Perpétuo ficou trancafiado à mercê de seus captores, deixando o Mundo dos Sonhos abandonado e os sonhadores desamparados. A série nos revela como ele se libertou e como foi capaz de se adaptar no mundo após tantos anos de ausência, e também nos mostra um vislumbre de sua história e da mitologia dos Perpétuos.

  As mentes de todos os seres vivos estão ligadas ao reino de Morpheus, o Sonhar. É para lá que vão as almas de todos os que dormem e onde são guardadas lembranças e pensamentos da hora do sono. O Sonhar guarda também o mundo imaginário de cada sonhador, várias realidades alternativas e seres imaginários se escondem lá. Sua biblioteca abriga bilhões de livros que nunca foram escritos. Toda a sanidade mental dos seres depende da boa administração desse reino (já que a realidade física do universo e mental dos seres também depende de nada “vazar” de lá para cá)e Sandman executa suas funções de maneira magistral. No sonhar vivem, por exemplo, Caim e Abel. Segundo o próprio Sandman, os deuses são gerados no Sonhar, nascendo como sonhos, e só então assumindo seu papel como divindades.

Dia 06 – Um livro que todos deveriam ler pelo menos uma vez?

  Em 2010 eu respondi assim:

  Esse tema é complicado, porque acredito que a experiência da leitura é muito peculiar e pessoal e sendo assim o livro que posso achar que todos deveriam ler pode ser de um gênero que não agrade a determinado e leitor e este livro não lhe proporcione uma leitura relevante. No entanto, mesmo com esta ressalva tem um livro que acredito que está para além de gêneros literários e é ele que vou indicar hoje: 1984, George Orwell.

 A imaginação de Orwell criou uma sociedade pretensamente futurística, mas ironicamente atual que não nos deixa indiferentes e incita questionamentos profundos e para mim só estes dois argumentos já fazem com que a leitura seja indicada a todos.

  A resposta continua valendo 😉

Dia 07 – Você já pensou em escrever um livro? Se sim, sobre o que seria? Fale um pouco sobre o assunto.  

  Sim, quando era criança, nem sei bem sobre o que eu queria escrever, só que queria inventar histórias fantásticas, mirabolantes e tão encantadoras como as que eu lia, mas depois isso passou, e hoje me contento em ser um leitora aplicada.

Dia 08 – Cite um livro que você gostaria que nunca acabasse. Por quê?  

  A História sem fim hehehehehehehe… brincadeiras à parte não tem nenhum livro que eu não quero que não acabe nunca, tudo na vida tem início, meio e fim, seria terrrível ficar preso eternamente em um entre-lugar sem chegar ao fechamento do ciclo.

5 thoughts on “Meme Literário 2012 – Dias 5 – 6 – 7 – 8

  1. Ainda não tinha visto que você estava participando, e já ia perguntar, porque não vi a postagem das primeiras perguntas. Vou lá ver.

      (Quote)  (Reply)

    [Reply]

    mimuller Reply:

    @ANGÉLICA CIRNE COIMBRA, pior é eu que não vi que o wordpress não estava mais mandando notificações de comentários e só vi agora que tu veio me visitar 😀
    estrelinhas coloridas…

      (Quote)  (Reply)

    [Reply]

  2. Pingback: O Meme Literário de Um Mês 2012 – Dia 05 | Happy Batatinha

  3. Pingback: O Meme Literário de Um Mês 2012 – Dia 06 | Happy Batatinha

  4. Pingback: O Meme Literário de Um Mês 2012 – Dia 08 | Happy Batatinha

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.