O homem do terno marrom

Em O homem do terno marrom, Agatha Christie nos traz mais uma heroína destemida e com sede de aventura, a moça em questão é Annie Beddingfield, que logo no início da história fica órfã e vai morar em Londres, lá ela presencia um estranho acidente em uma estação de metrô, um assassinato ocorrido no mesmo dia levantam a suspeita de Anne de que os dois acontecimentos possam estar interligados, e estas suposições somadas à sua sede de aventura a fazem embarcar em um navio rumo à Africa.

A narrativa do livro intercala os diários de Sir Eustace Pedler e a voz da própria Anne. O mistério e o excesso de pistas tornam a história por vezes confusa, mas algumas reviravoltas depois, o fio da narrativa se torna mais fluído e história se torna mais amigável, culminando com o infectível desfecho improvável, pelo menos pra mim que nem de longe suspeito do culpado 😉

Esta leitura faz parte do Projeto Agatha Christie capitaneado pela minha amiga Tatá.

Status:

Páginas lidas: 1.214

Percentual: 6,42%

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.