O que meus livros dizem sobre mim

Quando estava encaixotando meus livros para a mudança fui percebendo o quão aleatória é minha biblioteca. Nela convivem lado a lado autores tão díspares quanto Ranier Maria Rilke e J.K. Rowling ou Neil Gaiman e Jane Austen, que me pergunto se sou apenas eu que tenho gostos e predileções tão ecléticas ou se isso é uma marca de quem tem a leitura como combustível de sobrevivência. É bastante óbvio que não tenho resposta para esse dilema existencial, no entanto me divirto pensando quais foram as etapas da minha linha evolutiva que permitiram que eu me deliciasse tanto com Harry Potter quanto com O Tempo e o Vento, e na verdade acredito que a leveza com que percorro obras tão diversas faz que a minha biblioteca tenha uma certa coerência em sua aleatoriedade e também que ela diz muito mais sobre mim do que pode parecer a primeira vista. Olhando para meus livros vou identificando minha clara predileção por fantasia, autores ingleses e gaúchos. Meu apreço por psicologia e astronomia também marcam presença, assim como os livros em que os livros são personagens. Meu crescente interesse por teorias da evolução e tecnologia começam a tomar seu lugar entre as biografias e livros de contos e assim de livro em livro vou edificando a pessoa que sou.

Meme Literário – Dia 31

Dia 31 – Qual o livro que você leu esse ano que mais gostou? Fale sobre ele.

Estranhas Irmãs, Terry Pratchett. Ele é o sexto livro da série Discworld, mas pode ser lido sem problemas fora de ordem. É um livro mágico, me fez amar ainda mais o Pratchett, e não vou escrever muito mais sobre ele que logo tem resenha 😉

Lumos

#lumosmaxima

1 – Romance perdido de Saramago – Esse mês chegou as livrarias brasileiras um livro escrito por José Saramago nos anos 50.

2 – P.D. James termina seqüência de "Orgulho e Preconceito" – a autora escreveu uma "continuação" da obra mais conhecida de Jane Austen que mescla as personagens com uma história de mistério o.0

3 – Criando o visual do livrão best-seller – Samir Machado traduziu o ensaio do jornalista Field Maloney.

4 – Professora inova e alunos leem mais de 10 livros por semestre – iniciativa inspiradora de uma professora de Palmas.

5 – Raiz Forte – Verdades amargas que você não pode evitar – Palazo escreveu sobre o novo livro de Lemony Snicket

#nox

Meme Literário – Dia 30

Dia 30 – Qual foi o último livro que você comprou? Fale sobre ele.

O último que comprei foi a A Luz Fantástica, Terry Pratchett, pela Estante Virtual. Ele é o segundo livro da série Discworld e conta aventura de Rincewind, DuasFlor e Bagagem após eles caírem pela borda do mundo. Estou super ansiosa para ler, fazia muito tempo que queria este livro, assim como todos os outros da série Discworld, pena que a maioria dos 13 volumes já publicados em terras tupiniquins estejam esgotados e a Editora Conrad não tem pretensão de reeditá-los aqui no Brasil 🙁

Meme Literário – Dia 29

Dia 29 – Quantos livros em média você costuma comprar por mês? Você costuma comprar livros em sebos, ou prefere as livrarias? Compra muito pela internet?

Isso aqui está parecendo confessionário 😉

Compro uma média de 8 livros por mês, mas é assim rola uma promoção imperdível e eu compro uns 20 de uma vez, aí passo um tempo sem comprar. Aqui na minha cidade há uma escassez pavorosa de livrarias: tem uma onde os preços são péssimos, o atendimento é deplorável e a variedade de títulos dá vergonha alheia, sendo assim minhas compras são basicamente pela internet. Compro muito na Estante Virtual, e agora também no Livronauta. Também curto comprar na Feira do Livro de Porto Alegre, que começa na próxima sexta feira, não pelo preço que é quase o mesmo da internet e mais pelo prazer de comprar lá 😉

Meme Literário – Dia 27

Dia 27 – Você costuma fazer anotações enquanto lê? Se sim, onde? A ideia de fazer anotações no próprio livro lhe assusta?

Faço anotações como se não houvesse amanhã. Geralmente faço as anotações em um bloco mas não tenho pudores de escrever nos meus livros, rabisco, faço desenhos. Uma vez emprestei um livro e minha amiga ficou chocada com minhas anotações e desenhos de carinhas felizes, (ah isso faço direto nos livros técnicos quando encontro uma ideia ótima ou algum pensador que já estudei, é meio que uma forma de dizer: Oi!) e ela se achou no direito de me criticar usando como embasamento que eu não respeitava meus livros o.0 obviamente ela nunca mais teve acesso à minha biblioteca 😉

p.s. esse livro da foto é meu exemplar de "Ex libris: confissões de uma leitora comum", Anne Fadiman, que é de longe, o livro da minha biblioteca que mais tem trechos grifados e anotações, tenho o maior orgulho dele 😉

Meme Literário – Dia 25

Dia 25 – Tem algum livro que você tenha mais de uma edição do mesmo? Se sim, por que?

Sim, tenho três edições de Orgulho e Preconceito, Jane Austen, meu livro predileto. A minha primeira edição é antiga comprei em um sebo porque queria muito ler. Depois a Tatá, a moça que criou esse Meme Literário, me deu a edição da L&PM com capa vintage que amo de paixão. Ano passado na Feira do Livro de Porto Alegre aproveitei que tinha a edição da Penguin (em inglês) em uma banca na área internacional por 3 dinheiros. Eu tinha vontade de fazer uma coleção com as edições já lançadas aqui no BR, mas me falta empenho e também patrocínio visto o quão raras são edições de Orgulho e Preconceito aqui no Brasil.